Galvanização a fogo: conceito e passo a passo para proteção
  • Avenida Amadeu Poli, 60 - Parque Novo Mundo - São Paulo - SP
  • vendas@tubonasa.com.br
Segunda a Quinta das 8h às 18h
Sexta das 8h às 17h - (11) 2954-0299

Notícias / Galvanização a fogo: conceito e passo a passo para proteção anticorrosiva!

Equipamento industrial para galvanização, saindo vapor quente

Dentre os variados processos que garantem maior durabilidade e resistência a uma peça de aço carbono, a galvanização a fogo é um dos procedimentos mais comuns e eficientes.

Aqui, o item feito em metal é protegido em uma operação química que reveste a peça em uma camada de zinco, garantindo outro nível de qualidade ao tubo de metal.

E a galvanização pode ser aplicada nos mais variados segmentos: tubos que fazem parte de projetos industriais e também em fábricas podem contar com esse diferencial.

No entanto, antes de investir em um tubo de aço galvanizado a fogo, é fundamental entender como funciona esse processo, não é mesmo?

A sua especialista em tubos, a Tubonasa, preparou um conteúdo especial sobre esse tema: um guia completo para você saber tudo sobre a galvanização feita a fogo e quais as principais vantagens da adesão desse processo.

Acompanhe o artigo abaixo até o final para tirar todas as suas dúvidas.

Boa leitura!

O que é a galvanização a fogo?

Com foco em proteger as peças metálicas ao qual são submetidas, a galvanização feita a fogo consiste em revestir o item em questão em uma camada de zinco, que cobre toda a superfície visível da peça.

Esse processo também pode ser chamado de galvanização por imersão, ou pelo seu equivalente em inglês, o hot-dip galvanizing, ou HDG.

Qual é o objetivo da galvanização?

Seja no seu processo a fogo ou a frio, a galvanização possui uma função específica e comum em ambos os tipos: proteger as peças metálicas que passam por esse processo.

Sabemos que itens de metal e aço podem sofrer com as intempéries do tempo, que causam danos como a oxidação e a corrosão, comprometendo a integridade da peça e, consequentemente, a sua vida útil.

Para evitar manutenções a longo prazo nos projetos, as peças metálicas recebem esse banho do zinco para que possa contar com maior longevidade, tanto para suas funções, quanto para a estrutura em que será aplicada.

Como é feita a galvanização a fogo?

Para que a camada de zinco na superfície da peça metálica seja feita de forma eficiente, o processo de galvanização deve ser realizado seguindo etapas específicas.

Acompanhe abaixo o passo a passo de como funciona esse processo:

1. Preparação das peças

O primeiro passo é a limpeza total da peça, antes mesmo de iniciar qualquer outra etapa da galvanização.

Aqui, as impurezas serão retiradas completamente, removendo fatores externos como graxas, óleos, e até a própria ferrugem, em alguns casos.

Logo, na preparação das peças, são aplicados processos de lavagem, desengraxamento e decapagem.

2. Pré-aquecimento

Logo após a limpeza completa, as peças que serão submetidas à galvanização a fogo devem ser pré-aquecidas; o objetivo é deixá-las totalmente secas e livres de qualquer umidade.

Aqui, também existe outro caráter importante para essa etapa: o pré-aquecimento ajuda a evitar a formação de bolhas de vapor na etapa de imersão no banho, o que resulta em uma estética de maior qualidade para a peça.

3. Imersão no banho de zinco

Na etapa da imersão, estamos falando de um banho de zinco em temperaturas altíssimas: o zinco fundido pode chegar até a 460 ºC.

A mistura de zinco e alguns outros componentes deve ser mantida em um recipiente específico e aquecido, garantindo a eficiência da imersão.

4. Reação metalúrgica

No momento em que as peças são mergulhadas no banho de zinco fundido, inicia-se o processo metalúrgico que é chamado na área de difusão.

Basicamente, o zinco, conforme previsto em suas propriedades químicas, vai reagir com o ferro da superfície da peça de metal, resultando em ligas de zinco-ferro.

Essas ligas são altamente resistentes à corrosão, já começando a apresentar o resultado final da nossa peça, com muito mais qualidade e resistência.

5. Remoção e inspeção

Depois do tempo necessário no banho de zinco, e após a incidência da reação metalúrgica, a peça deve ser removida e inspecionada.

Aqui, os profissionais responsáveis pela galvanização a fogo devem atestar a uniformidade da camada de zinco aplicada, garantindo a qualidade do produto.

Se houverem excessos de zinco ou qualquer outro aspecto que não seja homogêneo, podem ser aplicados procedimentos de centrifugação, escovamento ou raspagem à peça.

6. Resfriamento

Por fim, a peça é resfriada, marcando o final do processo de galvanização feito a fogo.

As peças, agora revestidas em zinco, são levadas a um ambiente controlado, que solidifica a camada de zinco e deixa os itens prontos para serem comercializados ou entregues aos seus projetos de destino.

Quais são as vantagens da galvanização?

Já deu para perceber que, com a galvanização a fogo, as peças se tornam muito mais duráveis, não é mesmo?

E essa é somente uma das vantagens desse processo, que se torna indispensável para melhores resultados em projetos de vários segmentos.

Confira abaixo alguns dos benefícios oferecidos pela galvanização:

Proteção contra corrosão

A principal função da galvanização é a sua maior vantagem: a peça fica completamente protegida da ação do tempo e de fatores externos.

Por isso, o item feito em metal não vai corroer, e nem oxidar, com o passar dos anos.

Economia de custos a longo prazo

Se a peça não vai sofrer com a ação do tempo, isso quer dizer que você não terá que se preocupar com a troca do item depois de algum tempo.

Isso representa uma grande economia de custos para o projeto.

Durabilidade e resistência

As peças galvanizadas, ainda, são muito mais duráveis e resistentes, devido ao seu adicional de camada de zinco.

Isso garante muito mais eficiência para o projeto onde elas vão ser incorporadas, trazendo uma série de vantagens.

Baixa manutenção

Sem sofrer com a corrosão e nem com a oxidação, não há necessidade de se preocupar com a manutenção da peça.

Isso quer dizer que o item de metal pode ficar por anos em uma estrutura sem a necessidade de ser trocado ou retirado para remover pontos de oxidação.

Sustentabilidade

Em uma perspectiva geral, a galvanização a fogo é um processo altamente sustentável.

Uma vez que existe menos manutenção e maior durabilidade das peças revestidas em zinco, a logística de manutenção também é reduzida, diminuindo os impactos ambientais.

Qual a diferença entre galvanoplastia e galvanização?

Dentro da pauta sobre a galvanização, existe uma dúvida comum: a forma como esse processo se diferencia de outro muito comum na área, que é a galvanoplastia.

Esse procedimento também aplica uma camada na peça, que pode ser ou não de metal, mas não somente é realizado com o zinco.

Na galvanoplastia, a cobertura da peça pode ser feita com níquel, cobre, estanho, cádmio e crômio.

Galvanização a frio ou quente: qual escolher?

Ainda, a galvanização pode ser feita em um processo que é conhecido como galvanização a frio: e de que forma esse procedimento se difere da galvanização a fogo?

Na galvanização feita a frio, a camada, além de não ser somente de zinco, podendo incorporar outros elementos químicos, não submerge a peça em banhos em altas temperaturas

Aqui, o revestimento é aplicado por meio de um spray específico para o processo.

Tubos de aço carbono de qualidade você encontra na Tubonasa! Clique aqui para conferir nosso catálogo completo.

Conclusão

No artigo de hoje, você conferiu como funciona a galvanização a fogo.

Esse processo traz uma série de vantagens para a peça de metal, garantindo muito mais resistência e durabilidade.

Confira aqui o blog completo da Tubonasa para mais conteúdos como este!


VEJA TAMBÉM!

Importância da chegada da Riveco Generalsider SPA para o mercado

Importância da chegada da Riveco Generalsider SPA para o mercado

A empresa italiana Riveco Generalsider SPA está de malas prontas para desembarcar...

Decisão dos EUA sobre tubos de aço atinge europeias

Decisão dos EUA sobre tubos de aço atinge europeias

Autoridades comerciais dos Estados Unidos decidiram não impor tarifas sobre as importações...

Móveis de metalon têm resistência e qualidade

Móveis com metalon: 18 ideias para cada cômodo da sua casa

A gente te explica como usar móveis com metalon para uma casa...

Aço vira grande aliado da ecologia

Aço vira grande aliado da ecologia

À primeira vista, o casamento pode até parecer uma daquelas uniões arranjadas,...

FALE CONOSCO!